Curta nossa página no Facebook :

Powered By | Blog Gadgets Via Blogger Widgets

23 de dez de 2009

NFL, semana 15: e restou apenas um!


A rodada do final de semana foi um festival de partidas definidas nos minutos finais e na prorrogação, e aconteceu de tudo, até mesmo o que era esperado. E também foi a rodada em que o New Orleans Saints perdeu a invencibilidade na temporada, deixando o Indianapolis Colts como o único candidato a repetir o feito do Miami Dolphins de 1972.







Indianapolis Colts [14-0] 35 - Jacksonville Jaguars [7-7] 31

Até Jacob Lacey interceptar o passe de David Garrard no final da partida, muitos acreditavam que o Colts teria sua primeira derrota na temporada diante do Jaguars. Numa partida em que o equilíbrio deu o tom, Peyton Manning completou 23 de 30 passes, com quatro touchdowns e uma interceptação sofrida. Garrard também fez boa partida, com 223 jardas de passe, três TDs e a fatídica interceptação. Outros destaques foram Reggie Wayne e Dallas Clark, pelo Colts, e Maurice Jones-Drew pelo Jaguars. A equipe de Jacksonville complicou-se na corrida pelos playoffs, enquanto Indianapolis tem duas partidas relativamente fáceis para chegar ao 16-0.


Cincinnati Bengals [9-5] 24 - San Diego Chargers [11-3] 27

Cincinnati foi a campo sentindo a morte do WR Chris Henry, e foi derrotado apenas nos dez segundos finais de jogo, quando Nate Kaeding acertou um field goal de 52 jardas que deu a vitória para os donos da casa. Com a derrota, o Bengals está com apenas uma vitória de vantagem sobre o Baltimore Ravens na AFC Norte, enquanto o Chargers, com a nona vitória seguida, garantiu o título da AFC Oeste.


Dallas cowboys [9-5] 24 - New Orleans Saints [13-1] 17

Mesmo jogando no Louisian Silverdome, Drew Brees foi pressionado durante toda a partida pela defesa do Cowboys, que chegou a estar com uma vantagem de 21 pontos no início do último quarto. Apesar da derrota, basta à equipe de New Orleans vencer uma das duas partidas restantes para ter o vantagem de jogar os playoffs em casa. Para o Cowboys, a partida serviu para mostrar que Tony Romo pode vencer jogos em dezembro. O camisa 9 teve excelente desempenho, com 312 jardas passadas e um TD.


Oakland Raiders [5-9] 20 - Denver Broncos [8-6] 19

JaMarcus Russell, renegado pela torcida do Raiders, comandou o drive que deu à vitória à equipe de Oakland, ao encontrar o WR Chaz Schillens na endzone quando faltavam 35 segundos para o final da partida. Michael Bush correu para 133 jardas e um touchdown, e vem se mostrando um belo steal para a Raidernation. Derrotado pela sexta vez na temporada, os Broncos de Denver ainda estariam classificados para os playoffs hoje, mas tem uma partida difícil contra o Eagles neste final de semana.


Miami Dolphins [7-7] 24 - Tennessee Titans [7-7] 27

Desde que voltou a ser titular, Vince Young venceu sete das oito partidas que disputou, levando o Titans à improvável condição de candidato aos playoffs após as seis derrotas iniciais. E a última vítima foi a equipe de Miami que, mesmo empatando a partida após estar com 18 pontos de desvantagem no placar, não soube aproveitar a vantagem psicológica na prorrogação. Após a defesa interceptar Chad Henne num passe bisonho, Rob Bironas acertou o field goal que levou o LP Field ao delírio.


Tampa Bay Buccaneers [2-12] 24 - Seattle Seahawks [5-9] 7

Num verdadeiro festival de erros promovido pelas duas equipes, o Seahawks conseguiu ser derrotado por uma das três equipes mais fracas da NFL. É o verdadeiro retrato do desastre que se tornou a temporada da equipe, que viu Matt Hasselbeck ser interceptado quatro vezes.


Houston Texans [7-7] 16 - Saint Louis Rams [1-13] 13

Mesmo com Matt Schaub passando novamente das 300 jardas e Andre Johnson dando novo show, o Texans conseguiu bater o fraquíssimo Saint Louis apenas com um FG de Kris Brown (não, não é aquele da Rihanna) quando faltavam menos de cinco minutos para o final. Apesar das chances de classificação, esse deve ser mais um ano em que Houston ficará no "quase".


Green Bay Packers [9-5] 36 - Pittsburgh Steelers [7-7] 37

Partida sensacional, em que os ataques surraram as defesas, e que só poderia terminar com um lance daqeueles que todos vão lembrar daqui a muitos anos: com o cronômetro zerado, Ben Roethlisberger encontrou Mike Wallace no final da endzone, marcando o TD que não apenas deu a vitória a Pittsburgh, como também manteve a equipe na luta pelas vagas restantes para os playoffs. Foi a primeira partidana história da NFL em que os dois quarterbacks passaram para mais de 800 jardas sem sofrerem interceptação. Big Ben passou para 503 jardas e três touchdowns e Aaron Rodgers para 383, com o mesmo número de TDs.


Atlanta Falcons [7-7] 10 - New York Jets [7-7] 7

Mark Sanchez foi interceptado três vezes, e o time de especialistas do Jets conseguiu errar dois field goals. Em bom português: o Jets pediu para perder do Falcons, que já entrou em campo eliminado. Já que é de bom tom o visitante respeitar o desejo do dono da casa, Matt Ryan e Tony Gonzales marcaram o TD que deu a vitória ao Falcons quando faltavam menos de dois minutos para o apito final.


San Francisco 49ers [6-8] 13 - Philadelphia Eagles [10-4] 27

Donovan McNabb foi interceptado duas vezes, mas suas 306 jardas e o TD passado para o incrível DeSean Jackson garantiram a vitória do Eagles e a classificação para os playoffs. Para o 49ers, resta a esperança de que Mike Singletary vem reconstruindo a equipe, que deve incomodar ainda mais em 2010.


Cleveland Browns [3-11] 41 - Kansas City Cheifs [3-11] 34

Ninguém pode negar que, a despeito da péssima campanha, os jogos do Cleveland Browns acabam sendo interessantes. Além das 286 jardas do running back Jerome Harrison (terceira maior marca em uma partida na história da liga), Joshua Cribbs retornou dois kickoffs para TD, um de 100 e outro de 103 jardas, igualando o feito de Ted Ginn Jr nessa temporada. Matt Cassel trabalhou bem para o Chiefs, com 331 jardas de passe e dois TDs. Outro destaque foi Chris Chambers, com 114 jardas recebidas e um touchdown.


Chicago Bears [5-9] 7 - Baltimore Ravens [8-6] 31

Após espancar o Detroit Lions, a equipe do Ravens aproveitou-se da péssima temporada do Bears para mais um passeio. Enquanto Joe Flacco passou das 200 jardas e quatro TDs, Jay Cutler sequer cheou à marca centenária e ainda foi interceptado três vezes. Para acabar com o vexame, o técnico do Chicago tirou Cutler da partida.


Arizona Cardinals [9-5] 31 - Detroit Lions [2-12] 24

Kurt Warner & Cia. sacramentaram o título da NFC Oeste e a classificação para os playoffs, mas apenas depois de complicarem um jogo praticamente ganho. Vencendo por 17 a zero, permitiram que o Lions empatasse a partida, e o touchdown vencedor de Anquan Boldin veio apenas quando faltava 1:54 para o final.


New England Patrios [9-5] 17 - Buffalo bills [5-9] 10

Tom Brady mais uma vez teve atuação discreta: 115 jardas, um touchdown e uma interceptação. Mas o Bills não mete medo em ninguém, o que facilitou a vitória dos líderes da AFC Leste. Com a derrota de Jets e Dolphins, New England precisa de apenas uma vitória nas rodadas finais para vencer a divisão.


Minnesota Vikings [11-3] 7 - Carolina Panthers [6-8] 26

Sinal de alerta em Minneapolis: segunda partida em que Brett Favre vai mal nas últimas semanas, assim como toda a equipe. O camisa 4 passou para 224 jardas e foi interceptado uma vez, e o RB Adrian Peterson correu para apenas 35 jardas e um TD. Sem maiores ambições na temporada, o Panthers fez sua parte diante da torcida: Matt Moore passou para 299 jardas e três TDs; Jonathan Stewart correu para 109jardas e um touchdown; e Steve Smith foi o principal alvo de Moore, com 157 jardas recebidas mais um TD.


New York Giants [8-6] 45 - Washington Redskins [4-10] 12

Talvez esta tenha sido a pior apresentação do Redskins num Monday Night, onde a equipe esteve irreconhecível por quase toda a partida. A tentativa de um fake field goal, no final do segundo quarto, foi o retrato definitivo do festival de equívicos patrocinado pelo técnico Jim Zorn. Como precisava da vitória para manter-se na luta pelos playoffs, o Giants aproveitou-se da péssima noite do rival de divisão, e já vencia por 24 a zero no intervalo. Depois, precisou apenas administrar o resultado, com Eli Manning passando para 268 jardas e três touchdowns e Brandon Jacobs chegando à endzone duas vezes pelo chão.
Related Posts with Thumbnails
Confira também:
As melhores fotos da semana Eu queria ser... Essa é pra casar O melhor xerox por todos os tempos Momento Hipnotizante Cosplays de asiáticas Versão canina da música da Adele E se os personagens da Disney fossem maus Eduardo Sterblitch no Programa do Jô de 22/06/12 Keep calm and Chaves Você gosta de café? TEQUILAAAAAAAAA!

Artigos Relacionados

Related Posts with Thumbnails