Curta nossa página no Facebook :

Powered By | Blog Gadgets Via Blogger Widgets

4 de ago de 2010

As 10 notícias mais bizarras dos últimos tempos

Uma seleção de notícias bizarras ,na maioria, difíceis de acreditar. Essa lista foi retirada do site da revista VEJA e o texto é de Carolina da Gama.


  

10. Polícia irlandesa investiga sequestro de pinguim

 Um caso de sequestro mobilizou as autoridades irlandesas no começo deste ano: o pinguim Mick foi capturado do zoológico de Dublin e encontrado pouco tempo depois, em pânico, vagando pelas ruas. Segundo os veterinários do zoológico, Mick poderia ter morrido por causa do trauma. A polícia abriu um inquérito para investigar o sequestro e a primeira testemunha a depor foi o motorista de táxi que levou os bandidos. Segundo ele, os sequestradores estavam com o pinguim escondido em uma mochila. Felizmente, Mick se recuperou do susto e voltou rapidamente à sua rotina, segundo os administradores do zoológico.
9. Canadense põe bebê no freezer para baixar a febre
 A namorada do canadense Derrick Hardy deixou o rapaz tomando conta de sua filha de 10 meses e, quando voltou para casa, encontrou o bebê no freezer, espremido em meio a pacotes de gelo e hambúrguer. Tamanha crueldade foi, na verdade, uma tentativa do rapaz para baixar a febre alta da menina. Segundo Derrick, ele já havia tentado por uma toalha molhada na testa do bebê e levá-lo para dar uma volta ao ar fresco. Levado à delegacia, Derrick admitiu à polícia o óbvio: não leva o menor jeito para cuidar de crianças. Já a mãe da menina, por não ter percebido isso, perdeu a guarda da criança, que ficou com a avó materna.
  
8. Fugitivo vaidoso manda foto atualizada para jornal inglês
O britânico Matthew Maynard resolveu colocar a vaidade acima de tudo – até mesmo de sua liberdade. Procurado pela polícia britânica por roubo, ele ficou irritado ao ver sua foto publicada em um jornal local. Isso porque a imagem estava muito desatualizada. Ele, então, enviou ao jornal South Wales Evening Post uma foto em que aparece em frente a uma van da polícia. As autoridades agradeceram a “mãozinha” do rapaz, de 23 anos. “Ele acha que está sendo inteligente, mostrando como está. Agora, todo mundo vai saber quem ele é. Nós vamos pegá-lo em breve”, afirmou um policial.

7. Homem que ganhou R$ 26 mi na loteria quer voltar a ser lixeiro
Aos 19 anos, o britânico Michael Carroll ganhou 9,7 milhões de libras (quase 26 milhões de reais) na loteria. Como era de se esperar de um jovem com várias condenações por bebedeira e desordem pública, ele torrou todo o dinheiro com drogas, festas, viagens e prostitutas. Oito anos depois, falido e com duas filhas pequenas para criar, ele decidiu voltar ao emprego que tinha nos tempos adolescência: lixeiro. Mas nem isso ele conseguiu. A empresa de limpeza urbana da cidade em que ele mora não o aceitou de volta – Carroll não foi exatamente um funcionário exemplar: em nove anos, cometeu mais de 42 infrações.



 6. Neozelandesa leiloa ‘fantasmas engarrafados’ por 2.500 dólares

 Sem saber o que fazer com dois fantasmas engarrafados entregues a ela por um exorcista, a neozelandesa Avie Woodbury resolveu leiloar as assombrações pela internet. Por incrível que pareça, quase 220.000 pessoas se interessaram pelo produto, que foi vendido a uma fabricante de cigarros por 2.500 dólares. Com o dinheiro, Avie aproveitou para pagar a conta do exorcista que, segundo ela, livrou sua casa dos fantasmas que assombravam sua família.


5. Britânico é preso por dirigir carro da Barbie embriagado
 Leis muito rígidas e fiscalização intensa tornaram a Inglaterra um dos países com o menor número de acidentes de trânsito do mundo. E as autoridades do país não estão dispostas a permitir que as ruas inglesas fiquem menos seguras – nem mesmo durante uma brincadeira. O britânico Paul Hutton, de 40 anos, foi preso e teve a habilitação suspensa durante três anos por dirigir embriagado um carrinho de boneca. Ele estava a impressionantes seis quilômetros por hora quando foi parado por policiais a bordo do carro elétrico da Barbie. Paul admitiu que estava alcoolizado e recebeu a punição.
4. Motorista atropela 36 crianças para desviar de gato
Para salvar a vida de um gatinho que surgiu no meio da rua na frente de seu carro, um motorista japonês desviou o veículo para a calçada. O problema é que lá estavam 36 crianças de uma creche que se preparavam para uma excursão ao museu, além do guia dos alunos, de 23 anos. Todos foram atropelados e cinco crianças ficaram gravemente feridas. O motorista, de 59 anos, foi preso acusado de negligência. Ao que parece, somente o gato conseguiu sair ileso do acidente.
3. Indiano telefona para a família momentos antes de ser cremado
A família de Deepak Bhattacharya recebeu uma ligação assombrosa durante o funeral do indiano: o próprio Deepak telefonou para a filha indignado por saber que seria cremado em poucas horas. Ele estava próximo a sua casa, na província de Raipur, e descobriu que havia “morrido” ao ler o obituário do jornal local. O culpado por toda essa confusão foi o cunhado de Deepak. Dias antes, a polícia havia pedido aos parentes do indiano que fizessem o reconhecimento de um corpo encontrado havia pouco tempo. O cunhado, encarregado da missão, confundiu o morto com Deepak e levou o corpo para casa. Para o consolo do cunhado, a polícia confirmou que Deepak e o homem morto eram realmente muito parecidos.
2. Pomba é presa na Índia acusada de espionar para o Paquistão
Na fronteira entre dois países que já travaram três guerras entre si em pouco mais de 60 anos e vivem em constante tensão, ninguém escapa de vigilância – ninguém mesmo, nem os animais. Em maio de 2010, uma pomba foi presa pelas autoridades indianas em Punjab, na fronteira com o Paquistão, acusada de espionagem. A ave suspeita tinha um anel em torno de um dos pés e um número de telefone e endereço paquistanês pintados em vermelho. Ela foi levada para a delegacia e ficou proibida de receber visitas.
1. Mulher pega ônibus errado e é reencontrada 25 anos depois
Em 1982, a muçulmana Jaeyaena Beuraheng, que morava na Malásia, resolveu fazer uma viagem a Narathiwat, uma província de maioria muçulmana no sul da Tailândia. Mas ela não percebeu que comprou a passagem errada, e acabou tomando um ônibus que a deixou 1.200 quilômetros ao norte de Bangcoc. Ela tentou solucionar o problema juntando tudo o que lhe restava de dinheiro para comprar a passagem de volta – mas acabou se complicando ainda mais. Jaeyaena pegou, novamente, o ônibus errado e ficou 700 quilômetros mais longe. Sozinha, sem dinheiro e sem falar o idioma local, ela foi viver como mendiga. Cinco anos depois, foi capturada pela polícia e levada a um centro de desabrigados, onde ficou por 20 anos – sem nunca emitir uma palavra. O sofrimento dela só terminou em 2007, quando um grupo de jovens muçulmanos foi fazer uma visita ao abrigo e Jaeyaena encontrou alguém que entendia seu idioma.
 Fonte Related Posts with Thumbnails
Confira também:
As melhores fotos da semana Eu queria ser... Essa é pra casar O melhor xerox por todos os tempos Momento Hipnotizante Cosplays de asiáticas Versão canina da música da Adele E se os personagens da Disney fossem maus Eduardo Sterblitch no Programa do Jô de 22/06/12 Keep calm and Chaves Você gosta de café? TEQUILAAAAAAAAA!

Artigos Relacionados

Related Posts with Thumbnails